sexta-feira, 16 de abril de 2010

Mulherões da vida real

Tive o prazer de conhecer a Dani Lima, colaboradora do blog Mulherão, lá no Encontrinho. Uma coincidência gostosa: há algumas semanas eu tinha falado do Mulherão aqui, um blog sensacional voltado para as mulheres plus size e para minha supresa a Dani estava entre as sorteadas. Alguém duvida que era pra acontecer? ;D


A Dani é um amorzinho, trocamos vários emails e descobrimos em comum nossa queda por pechinchas, haha! Assim como eu, ela também garimpa em lojas de fast fashion porque não tem budget para torrar em roupas. Mas a Dani me chamou atenção para um fato importante: muitas vezes essas lojas não oferecem numeração adequada para as gordinhas.

Eu, que sou magra, já sofro com os "falsos" manequins (tem coisa mais irritante que pegar um P que tá mais pra PPPP?), pensa só pra quem é gordinha? Ah, não. Mil vezes, não!

Como há algum tempo eu perguntei o que vocês gostariam de ver no blog e várias meninas pediram que eu mostrasse uma moda para as gordinhas, taí a Dani cumprindo esse papel muito bem no Mulherão. Ela fez um post com a sua ida a Leader, C&A e Renner, avaliando os modelos, preços e a oferta de tamanhos G e GG nas lojas. Uma coisa que achei muuuito bacana é que a Leader tem no seu encarte uma modelo gordinha. Pontos para a marca! ;D

E essa semana eu recebi um email da Carol Carpintéro, leitora das antigas aqui do blog, sobre sua monografia com tema sobre o mercado carioca de moda grande. Ela escreve que há o esforço de algumas lojas especializadas para satisfazer este público, mas que ainda é um mercado pouco organizado e desenvolvido.
Na monografia ela vai entrevistar os setores de estilo e marketing das grifes cariocas especializadas, mas também precisa saber como anda a situação das consumidoras do Rio de Janeiro.

Vamos ajudar a Carol a reivindicar a importância da moda G pras marcas? Leva 3 minutos para responder a pesquisa dela. Clica aqui para acessar o formulário.

Para falar com a Carol, twitter dela: @carolcarpintero

6 comentários:

Edna Mara disse...

Acho um saco comprar calca na C&A por causa disso...na Leader ja nao tenho tanto problema. Eh claro que depende muito do corte da calca, mas na C&A eh um absurdo. Ontem experimentei uma 8 calcas e sai de la MEGA frustrada. Beijos.

Cris Borges disse...

Sabe que a menina que participou do Esquadrão da Moda essa semana comentou justamente sobre isso. Ela é mais cheinha, fez uma cirurgia de redução de estômago e ela disse que a maioria das peças das lojas não serviam para ela, o tamanho grande ainda era pequeno. Eu tenho um monte de roupa tamanho G, sendo que meu manequim é 40. Esse negócio de tamanho de roupa é uma complicação aqui no Brasil. Apesar de magra, tenho bumbum grande. Sempre sofri para comprar calça, porque tinha que comprar um tamanho maior e ajustar tudo, porque tamanho maior implica em barra maior e eu não sou alta. Depois que começaram a colocar lycra nas calças, as coisas melhoraram, mas mesmo assim, vira e mexe tenho que comprar um número maior.
Fora que acho um roubo o valor das roupas das lojas especializadas em tamanhos grandes!
Infelizmente, a moda ainda é condicionada pelo estilo cabide/cabo de vassoura!

Graziele Pacheco disse...

A C&A é um absurdo! Eu sou muito magra e tbm não encontro nunca nada que fique bom! Jeans então, é um sufoco! Fico pensando e imaginando quem é a pessoa que fica bem em todas aquelas roupas com numerações loucas!!
assino em baixo!!
bjo bjo

graziele pacheco.
www.grazielepacheco.blogspot.com
@grazielepacheco

Carol Carpintéro disse...

não sei de ninguem que posso dizer: "Uau! entrei na C&A e a primeira calça q vesti ficou linda!". A modelagem de lá é bem esquisitinha....



Super obrigada pela divulgação da minha pesquisa! Estou ralando bastante para fazer um trabalho digno de mulherão.
Beijo!

Nanda disse...

Isso chega a ser irônico, sem dúvida... Vc entrar e determinadas lojas e nao encontrar numeros maiores nao é novidade, infelizmente isso ocorre, e felizmente tem mudado, tanto que grandes mercados estao se preocupando com isso e discussões como esta estão send feitas (superválido!), entretanto, uma loja como a C&A, Riachuelo, Renner da vida... nao poderiam deixar numeros maiores de fora, com a quantidade e diversidade que possibilitam de estilos e preços... Absurdo mesmo!
Eu nao sou tão gordinha, mas tenho quadris largos, cara... Que dificuldade encontrar uma calça ou bermuda, shorts, enfim... Tudo pra sílfide e eu acabo usando 44, 46! rsrs.
Post muito bacana!
Beijinhos.

lancelloti disse...

Comprei igualzinha há essa mês passado, mas em Nude! =]